Blog

7 Maneiras de Combater o Estresse na Advocacia

Você sente que está constantemente sob estresse e não sabe como manter o foco? Sente que está lutando para lidar com a pressão?

Você não está sozinho.

Muitos profissionais enfrentam esta sensação, e isso pode ter um impacto negativo em suas carreiras se não for abordado.

Neste artigo, discutiremos sete dicas que te ajudarão a reduzir os níveis de estresse no dia a dia da advocacia e permitirão que se concentre melhor no seu trabalho.

  1. Busque entender as causas

Uma das coisas mais importantes que você pode fazer é conhecer a si mesmo.

O que tende a desencadear o seu estresse?

Uma vez que você esteja ciente de quais são esses gatilhos, poderá começar a trabalhar para evitá-los ou pelo menos mitigar seus impactos.

Se você sabe, por exemplo, que os prazos são um dos seus principais fatores de estresse, tente começar a trabalhar nos projetos mais cedo para não sentir que está sempre correndo contra o relógio.

Ou se você achar que lidar com clientes difíceis é estressante, tente estabelecer limites para que não sinta que está sempre disponível.

Ao dedicar algum tempo para entender seus próprios gatilhos, você pode começar a fazer algumas mudanças simples que podem ter um grande impacto no seu dia a dia.

2. Organize-se

Isso é fundamental.

Para se organizar, você precisa dedicar um tempo para criar um sistema que funcione para si e realmente utilizá-lo.

Isso envolve o uso de uma agenda para melhor acompanhar as suas demandas, reuniões, prazos e facilitar o seu dia a dia.

Seja qual for os métodos escolhidos, certifique-se de você realmente os usará.

Um sistema de organização que fica sem uso não vai te fazer nenhum bem.

Reservar um tempo para se organizar ajudará a reduzir seus níveis de estresse a longo prazo.

3. Utilize a tecnologia

A tecnologia pode ser uma bênção ou uma maldição para os advogados.

Se por um lado, ela pode ajudá-los a economizar tempo automatizando tarefas ou fornecendo acesso a informações de forma rápida e fácil. Por outro, pode ser uma grande fonte de estresse se não for usada corretamente.

Os advogados devem dedicar um tempo para aprender a usar a tecnologia de forma eficiente e eficaz, a fim de minimizar os níveis de estresse.

Muitas vezes, o menos é mais.

Portanto, compreenda o que está disponível no ecossistema jurídico, através da AB2L, bem como procure conhecer outros aplicativos simples como Trello, que possam ajudá-lo a acompanhar e gerenciar seus projetos de maneira mais visual e intuitiva.

4. Crie processos internos de trabalho

Ao criar processos simplificados para tarefas como entrada de clientes e gerenciamento de arquivos, você pode liberar seu tempo e energia para coisas mais importantes.

E quando tudo estiver funcionando bem, poderá se tranquilizar e focar muito mais naquilo que importa

Portanto, se você está procurando maneiras de reduzir o estresse no trabalho, criar processos no escritório de advocacia ou no seu departamento jurídico é uma ótima forma de começar.

5. Delegue

Uma das melhores maneiras de reduzir os níveis de estresse como advogado é delegar.

Se você está se sentindo sobrecarregado no trabalho, o primeiro passo é dar uma olhada nesta carga e ver quais tarefas podem ser delegadas a outras pessoas.

Isso pode significar contratar um estagiário, atribuir tarefas a colegas de trabalho ou até mesmo terceirizar o trabalho para parceiros/freelancers.

Tentar fazer tudo sozinho não é apenas impossível, mas também é uma receita para o esgotamento.

Ao delegar tarefas, você não está apenas compartilhando a carga de trabalho, mas também dando a outras pessoas a oportunidade de mostrar suas habilidades e capacidades.

Delegar pode ser difícil, mas vale a pena dedicar um tempo para aprender como fazê-lo de forma eficaz.

Isso não apenas o ajudará a reduzir seus níveis de estresse, mas também o tornará um líder melhor.

6. Colaboração

Trabalhar com outros advogados, seja do seu próprio escritório de advocacia, departamento jurídico ou parceiros em um caso específico, pode ajudar a aliviar um pouco a pressão.

Colaborar com outras pessoas permite compartilhar a carga de trabalho, debater ideias e obter feedback dos seus colegas.

Como resultado, você poderá trabalhar de forma mais inteligente, não mais difícil, e provavelmente sentirá o estresse diminuir.

7. Encontre um mentor

Um mentor pode ser um ativo valioso para qualquer advogado, fornecendo orientação, suporte e aconselhamento, quando for mais necessário.

Ele pode te ajudar a navegar em situações desafiadoras da carreira, oferecer orientação para te dar mais clareza numa tomada de decisão e fornecer suporte quando estiver se sentindo sobrecarregado.

Ter alguém a quem recorrer com experiência naquilo que você precisa, pode ser inestimável e ajudá-lo a se sentir menos sozinho em seus desafios.

Se você está pensando em encontrar um mentor, reserve um tempo para buscar alguém em quem você confie e se sinta à vontade para estas trocas.

Essa pessoa deve ser alguém com quem você possa discutir seus objetivos, dificuldades e que o apoie e compreenda.

Ter um mentor pode fazer toda a diferença.

Se você seguir essas dicas, estará no caminho certo para reduzir o estresse em sua jornada na advocacia.

Lembre-se, o estresse é uma parte normal da vida, mas é importante aprender a gerenciá-lo de forma eficaz. Caso contrário, pode ter consequências negativas na sua saúde e bem-estar.

Você tem outras dicas para reduzir o estresse? Compartilhe-os conosco nos comentários abaixo!

Quer ler mais sobre este tema?

Como vencer o Burnout na Advocacia?